domingo, outubro 25, 2009

Programação da IV Semana Vegetariana da Unicamp


# Segunda-feira (09/11/2009)
# Terça-feira (10/11/2009)
  • 15h: Mesa de discussão: "Vegetarianismo e espiritualidade". Com a presença de representantes da Igreja Messiânica (Marcos Vinícius R. Cassis), Hare Krishna (Lilavatara dasa), Raja Yoga (Paula Regina Zacharias), Tantra Yoga (Dada Jinanananda) e Católica (Silas Fiorotti), na sala da Congregação, prédio da Pós, IFCH.
  • 17h: Palestra: "Alimentação na medicina ayurvédica". Com a presença da médica ayurvédica e bióloga Eloisa Fiorim Villanova, na sala da Congregação, prédio da Pós, IFCH.
  • 19h: Palestra: "Gastronomia vegana e ativismo". Com a presença da culinarista vegana Renata Octaviani, do site "VegVida - Vegetarianismo para a vida", na sala 7 do IEL (Instituto de Estudos da Linguagem).
# Quarta-feira (11/11/2009)
  • 15h: Mesa de discussão: "Questões contemporâneas da produção de carne: resistência ao consumo e o simbolismo do 'abate humanitário' ". Com a presença de Nina Rosa Jacob, do Instituto Nina Rosa e da antropóloga Juliana Vergueiro Dias, no auditório I do IFCH.
  • 17h: Palestra: "Ensino de fisiologia: transformações ao longo da história". Com a presença do biólogo e mestrando em metodologias educacionais Francisco Cubo Neto, no auditório I do IFCH.
  • 19h: Mesa de discussão: "Natureza, gênereo e crítica ao capitalismo: pensando o veganismo sob diferentes olhares". Com a presença de Tamara Bauab Levai, bacharel em comunicação social e bióloga, e Dennis Zagha Bluwol, mestre em geografia, no auditório I do IFCH.
# Quinta-feira (12/11/2009)

  • 13h: Palestra: "Vegetarianismo e proteção aos bovinos na cultura milenar da Índia". Com a presença de Venu Gopal das e Maha Vidya devi dasi, do Projeto de Proteção aos Bovinos Goura Shurabi Seva, no auditório I do IFCH.
  • 15h: Mesa de discussão: "Direitos animais: o ataque à legislação brasileira de proteção aos animais". Com a presença do promotor de Justiça Laerte Fernando Levai, da antropóloga Nádia Farage e dos advogados Vânia Rall e Carlos Cipro, no auditório I do IFCH.
  • 19h: Palestra: "Nutrição na dieta vegetariana". Com a presença da nutricionista vegetariana Kelly Kretly Camargo, na sala 7 do IEL.
# Sexta-feira (13/12/2009)

  • 12h: Feijoada Vegana (gratuita!) - a tradicional feijoada da Semana Vegetariana da Unicamp! Traga os talheres e os pratos de casa. No CACH.
  • 14h: Palestra: "Vegetarianismo e alimentação orgânica: experiências do Trocas Verdes". Com a presença de Mayra Vergotti e Rodrigo Caravita, membros da cooperativa Trocas Verdes, nas escadas do CACH, IFCH.


Todas as salas, auditórios e CA's citados, localizam-se nos respectivos prédios dos institutos. O IEL e o IFCH ficam na Rua Sérgio Buarque de Holanda, um ao lado do outro, no campus da Unicamp, em Barão Geraldo, Campinas-SP.

Todas as atividades são gratuitas e abertas ao público.


Em breve vamos atualizar esse post com a programação dos filmes e documentários.

2 comentários:

Juliana Ferrari disse...

Olá, adorei a ideia de um encontro de vegetarianos na unicamp! Na verdade apesar de se bixete.. já sabia deste encontro anual e estava ansiosa em saber a data participar este ano!!!

Ah e só agora fique sabendo do jantar que teve, gostaria de ter participado, programem mais jantares durante o ano!!

Um ótimo incentivo, parabéns!

kellen disse...

Repetindo tantos louvores, também não poderia deixar de parabenizar a iniciativa: acho que os que seguem qualquer linha vegetariana sentem muita falta de um apoio e de informação. E olha que tinha bastante gente e um público bem diversificado. Infelizmente não pude participar de todas as atividades, consegui ir apenas na Mesa "Vegetarianismo e Espiritualidade" e achei especialmente interessante a participação do Sr.Silas Fiorotti contrapondo a sua fala às anteriores que segundo ele apontavam a opção pelo vegetarianismo como natural enquanto ele a entendia como sendo cultural. Infelizmente parece que ele não explorou muito as suas reflexões, mas para mim foi fundamental para pensar em mais uma outra dimensão da opção pelo vegetarianismo: a das experiências subjetivas. Eu mesma já fui adepta por uma atitude /postura intelectual por considerá-la a forma de alimentação mais saudável e agora que bebo o chá AYWASKA percebo as diferenças do que denominamos como trabalho das vezes em que não como carne e nem outros industrializados. Gostaria de saber se é possível conseguir o texto que ele citou que poderia compartilhar conosco. É isto aí: valeu!